PMBOK: Ferramentas e Técnicas – Diagrama Gantt


O diagrama de Gantt é uma forma gráfica de representar graficamente o calendário das atividades do projeto e respetivas dependências. O diagrama Gantt representa as atividades do projeto num espaço bidimensional em que, na horizontal está marcado o tempo de duração do projeto, numa escala que pode ser de dias, semanas, meses, ou outra), e na horizontal se encontram as diversas atividades do projeto.


No diagrama de Gantt as atividades do projeto são representadas como barras horizontais em que o comprimento é relativo á duração estimada para a atividade. As interdependências entre atividades são representadas por linha que interligam duas ou mais atividades. 
 
 
Já as Atividades Marco são representadas por pequenos losangos (Veja o artigo Diagramas de Precedência para mais informação sobre os tipos de atividades de um projeto).

Estas linhas permitem retratar os 4 tipos distintos de interdependência que são possíveis num diagrama de precedências:

  • Fim para Início (Finish to Start) – O início da atividade predecessora depende do fim da atividade sucessora. Este é o tipo de dependência mais utilizada;
  • Fim para Fim (Finish to Finish) – O fim da atividade sucessora depende do fim da atividade predecessora;
  • Início para Início (Start to Start) – O início da atividade sucessora depende do início da atividade predecessora;
  • Início para Fim (Start to Finish) – O fim da atividade sucessora depende do início da atividade predecessora.

As atividades constantes do diagrama Gantt podem ser diferenciadas pela cor ou por outros artifícios gráficos (sombreado, preenchimento do interior da barra, etc.) de forma a destacar as atividades que pertencem ao caminho crítico do projeto.

No diagrama Gantt pode também incluir-se informação sobre o estado atual do projeto, alterando a cor das atividades para diferenciar as atividades que estão completas, das que estão em curso, e das que ainda não foram iniciadas.

Adicionalmente, a inclusão de uma linha vertical que marca a data de hoje tem a vantagem de permitir rapidamente perceber eventuais atrasos nas atividades do projeto. É igualmente possível sobrepor o cronograma planeado (linha base de calendário) com o cronograma efetivo de forma a visualizar as diferenças entre os dois.


Aplicabilidade do Diagrama de Gantt

Na gestão de projeto a técnica do diagrama de Gantt aplica-se para:

  • Apresentar uma vista geral das atividades do projeto;
  • Planear as atividades do projeto;
  • Visualizar e trabalhar o caminho crítico do projeto;
  • Trabalhar o calendário do projeto (quando as atividades devem ser executadas);
  • Alocar recursos;
  • Comunicar as atividades do projeto às partes interessadas;
  • Coordenar e gerir as atividades do projeto;
  • Monitorar o progresso das atividades do projeto.

Como Criar um Diagrama de Gantt

Para criarmos um diagrama de Gantt necessitamos de completar os seguintes passos:

  1. Determinar a lista das atividades do projeto;
  2. Identifique as interdependências entre as atividades;
  3. Identifique os recursos necessários para executar cada atividade;
  4. Estime a duração das atividades.
  5. Desenhe o diagrama de Gantt tendo em atenção as interdependências das atividades;
  6. Nivele os recursos para corrigir eventuais conflitos de recursos;
  7. Avalie o caminho crítico e, se necessário, proceda a alterações de forma a controlar o risco do projeto;
  8. Use outras técnicas de compressão do calendário para adaptar o cronograma aos requisitos do cliente.

Vantagens da Utilização do Diagrama de Gantt

  • Ao contrário do que acontece num diagrama de PERT, no diagrama de Gantt é possível conhecer com exatidão a data de início e de término planeada para cada uma das atividades do projeto;
  • Boa ferramenta gráfica para comunicar numa única imagem o estado do projeto;
  • De compreensão fácil e generalizada. Todas as partes interessadas compreendem o que se mostra;
  • Ideal para seguir projetos de pequena e média dimensão (10 a 30 atividades). Em projetos maiores deve optar-se por apresentar ao promotor um resumo centrado nos pacotes de trabalho e marcos importantes;
  • É suportada por todos os softwares de suporte à gestão de projeto o que facilita a sua utilização em simulações e estudo de cenários.

Desvantagens da Utilização do Diagrama de Gantt

O diagrama de Gantt tem também algumas desvantagens. As mais relevantes são as seguintes:

  • Demasiado simplificadora para a maioria dos projetos, pelo que deve ser complementada com outra informação de suporte que permita avaliar com clareza o estado do projeto;
  • Parcial porque centra-se unicamente no controlo do calendário do projeto, nada dizendo sobre custos e âmbito / escopo.
  • Fica menos percetível quando o volume de interdependências entre as atividades é muito elevado.
 

Comentários

Vanilson Saraiva disse…
Ótimo artigo... simples e objetivo.

Postagens mais visitadas deste blog

9 Programas de Software Grátis para Gestão de Projetos

PMBOK: Ferramentas e Técnicas - Estimar Custos do Projeto

Como Fazer o Plano de Comunicação do Projeto