4 Fatores Criticos Para a Implementação do Agile - Parte 1


Em artigos anteriores explicámos o que são os métodos ágeis para a gestão de projetos e referimos que os métodos ágeis de gestão de projetos não são uma panaceia para todos os problemas e que, embora sejam de uso mais generalizado do que por vezes se pensa, os métodos ágeis de gestão de projetos não são o método de gestão ideal para todos os tipos de projeto.

Vamos agora centrar a nossa atenção sobre os desafios que a utilização do Agile coloca ás organizações. Apercebidos, imaginados ou reais, é possível identificaram vários aspetos dos métodos ágeis, que podem ser vistos como desafios que necessitam ser superados, antes que a organização esteja apta a retirar vantagens da utilização dos métodos ágeis de gestão de projetos.



Os desafios que a utilização dos métodos ágeis colocam ás organizações, podem agrupar-se em quatro componentes fundamentais: Pessoas; Processos da Organização; Modelos de Gestão e Tecnologia. Vejamos em detalhe cada uma destas áreas.

Pessoas

  1. Pessoas habituadas a trabalhar com uma metodologia de gestão de projetos mais estruturada desenvolvem uma determinada mentalidade e um determinado quadro de valores que é difícil de alterar (apercebido e real).
  2. Em determinadas áreas, pessoas com características mais técnicas têm dificuldade em adaptar-se às exigências inerentes ás equipas ágeis. No caso especifico do desenvolvimento de software, algumas técnicas inerentes ao Extreme Programing (programação aos pares e partilha de código) são difíceis de implementar com técnicos seniores que, habitualmente, não se sentem confortáveis com a partilha constante de conhecimento que os métodos ágeis advogam (real).
  3. Equipas constituídas por pessoas excessivamente ambiciosas tendem a alterar as prioridades do cliente em proveito pessoal. Este tipo de pessoas, estão habituadas a ser os verdadeiros “donos” do projeto, o que faz com que gostem de metodologias em que o envolvimento do cliente só existe, de facto, no inicio do projeto, durante a fase de levantamento de necessidades (percebida e real).
  4. Diferenças culturais e dificuldades de comunicação são outros dois aspetos que dificultam e comprometem o sucesso da mudança para os métodos ágeis. A necessidade de comunicação constante e transversal a toda a organização e a falta de uma cultura que valorize a tomada descentralizada de decisões são dois fatores que dificultam o sucesso na adoção do ágil (real).

Processos da Organização


  1. Transitar de de um modelo tradicional de gestão de projeto para um modelo interativo tem impacto na estratégia de negócio, na estrutura funcional, e nas ferramentas e métodos de trabalho usados pela organização. Alterações em qualquer uma destas três áreas são complexas de implementar, sobretudo em organizações com vários anos de existência e com uma estrutura funcional muito hierarquizada. Este facto é um desafio e um obstáculo que as organizações enfrentam (real).
  2. Em organizações de grande dimensão e com presença em múltiplas localizações geográficas terão mais dificuldade em implementar métodos ágeis de gestão de projetos que baseiam grande parte da sua eficácia na cooperação constante dos diversos elementos da equipa entre si e da equipa com o cliente (real).
  3. As diferentes formas de medição do desempenho entre as práticas ágeis e os métodos mais tradicionais podem ser vistos como problema para as diferentes entidades envolvidas e fonte de preconceitos por parte dos que estão habituados aos processos tradicionais de avaliação (percebida).
Veja o artigo 4 Fatores Críticos Para a Implementação do Agile - Parte 2 para conhecer em detalhe as restantes duas componentes da organização que representam desafios à adoção dos métodos ágeis nas organizações.



Grp2ALL
(Baseado no livro: Agile for Project Managers de Denise C. Auerbach)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

9 Programas de Software Grátis para Gestão de Projetos

PMBOK: Ferramentas e Técnicas - Estimar Custos do Projeto

PMBOK: Ferramentas e Técnicas - Compressão do Cronograma do Projeto