Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2011

Gerir a Integração no PMBOK

Imagem
A área de conhecimento Gestão da Integração do Projeto, engloba os processos de coordenação, a maioria dos quais são transversais ao ciclo de vida do projeto e essencialmente interativos, usados pelo gestor de projeto de forma recorrente ao longo de todo o ciclo de vida do projeto ou fase.

De acordo com o PMBOK esta área de conhecimento é composta por 6 processos que se distribuem de forma quase homogénea pelas 5 fases do ciclo de vida do projeto ou sub-projeto.

Processos de Fecho no PMBOK

Imagem
Só o correto fecho de projeto permite recolher as evidências de que o produto ou serviço criado pelo projeto foi concretizado e aceite pelo cliente. Apesar disso, o facto de ser uma fase essencialmente administrativa e que se realiza quando o gestor de projeto e a sua equipa já estão a pensar em eventuais novos projetos, explicam porque é o fecho de projeto uma fase tão negligenciada.


O Papel dos Sistemas de Informação nas Organizações

Imagem
Nos últimos vinte anos, os SI/TI transcenderam o habitual papel de atividade de suporte assumindo progressivamente um papel cada vez mais estratégico. O contínuo aumento de importância dos sistemas de informação obriga a integrar a gestão de SI/TI com o processo de gestão da estratégia de negócio[1] da organização.

Na literatura sobre sistemas de informação, a tecnologia de informação é reconhecida como uma capacidade da empresa que pode ser fonte de vantagem competitiva e de um superior desempenho.

6 Sigma - Processo de Melhoria (DMAIC)

Imagem
O 6-sigma utiliza um método de ciclo fechado, constituído por 5 etapas, para obter melhorias nos processos existentes. Neste artigo iremos apresentar o ciclo DMAIC e as diversas atividades que constituem cada uma das fases do processo de melhoria.
O ciclo DMAIC é um aprofundamento do ciclo de melhoria de qualidade de Deming (Planear – Fazer – Verificar - Ajustar). As cinco fases do processo de melhoria do 6-Sigma, habitualmente conhecido por processo DMAIC, são: Definir - Medir - Analisar – Implementar Melhorias - Controlar.

CFOs decidem sobre TI mais do que CIOs

Imagem
Publicado em computerworld


São os responsáveis por autorizar um quarto dos investimentos em tecnologia.
O diretor financeiro está a tornar-se o decisor principal sobre tecnologias em cerca de metade das empresas, de acordo com a Gartner.
A analista publicou os resultados do seu Financial Executives International (FEI) Technology Study, onde mostra que mais organizações de TI reportaram ao CFO do que a qualquer outra função executiva.

Processos de Controlo no PMBOK

Imagem
Controlar o projeto é vital para garantir a sua correta execução. Para que os diferentes processos de controlo sejam bem-sucedidos é necessário que previamente se tenham criado as condições que permitam saber com clareza que variáveis são representativas da evolução e necessitam ser vigiadas de forma a garantir a eficiência e eficácia do processo de controlo agindo pro-ativamente e antecipando potenciais problemas.


Exames de Certificação (PMP, ITIL) - Simulações

Imagem
A maioria das certificações técnicas inclui um exame mais ou menos prolongado e, geralmente, com um  elevado grau de dificuldade.

As simulações de exames são uma ferramenta muito útil não só porque nos habituam ao ambiente da Prometric em que a maioria dos exames é disponibilizada mas também porque ajudam a perceber o tipo de perguntas em causa e a direcionar o estudo. Para além disso dispor de uma boa ferramenta de simulação ajuda a avaliar o progresso do estudo e a identificar áreas que necessitam de ser mais estudadas.

Normas ISO 14598 / 9126 Executar a Avaliação

A avaliação é a etapa final do processo de medição da qualidade. Para que ela possa ser efetuada, é necessário que os técnicos de desenvolvimento sigam os procedimentos, na recolha dos valores reais das medidas para os atributos internos definidos. Para além disso, é responsabilidade da equipa técnica, tomar as medidas necessárias para assegurar a qualidade dos dados recolhidos.

Modelo de Maturidade de Nolan

Imagem
O primeiro esforço significativo para explicar a evolução dos SI nas organizações surgiu com Nolan (1973). Nolan focou-se apenas na evolução da função SI dentro de uma organização. A sua primeira proposta sobre o crescimento dos SI dentro de uma organização baseou-se na tecnologia usada e no orçamento em SI como uma indicação da maturidade da gestão de SI, usando uma curva em “S”, consistindo em quatro estádios: Iniciação, Contágio, Controlo e Maturidade.

O que è o COBIT?

Imagem
O COBIT (Control Objectives for Information and Related Technology) é uma metodologia que integra e institucionaliza um conjunto de boas práticas, com o intuito de assegurar o alinhamento entre os objetivos das TIC e de negócio, permitindo a obtenção de vantagens competitivas através do uso otimizado da informação.

O que é o OPM3?

Imagem
OPM3 (Organizational Project Management Maturity Model) é a metodologia do PMI para a avaliação da maturidade organizacional em gestão de projetos.

Certificações ITIL

Imagem
O ITIL agrupa de forma coerente e integrada um conjunto de boas-práticas para a gestão de serviços de TI. Estas práticas ajudam a implantar e manter um gestão de serviços de TI focando em pessoas, processos, tecnologia e parceiros que são usados na entrega de serviços que atendam às necessidades dos clientes. A versão atual, a ITIL V3, foi lançada em junho de 2007. Junto com o lançamento da ITIL V3, também foi lançado um novo esquema de qualificação profissional.

Processos de Execução no PMBOK

Imagem
A execução do projeto é a fase em que aquilo que foi planeado é colocado em prática. A execução exige capacidade para gerir a concretização dos diversos planos, acompanhar e desenvolver o trabalho da equipa, comunicar a todas as partes interessadas a forma como o projeto está a decorrer.

Inquérito a Utilizadores de BI - Gartner Report 2011

Um estudo recente da Gartner, BI Platforms User Survey, 2011: Customers Rate Their BI Platform Vendor Cost of Ownership, rastreia os custos das plataformas de business intelligence (BI) e os fatores que contribuem para estes custos. As organizações podem usar as suas conclusões para descobrir a melhor relação de custo-beneficio do BI tendo em conta as suas necessidades específicas.


Maturidade em Gestão de Projetos

Imagem
A Importância de fazer uma Avaliação da Maturidade Organizacional para a Gestão de Projeto.

A avaliação da maturidade organizacional em gestão de projeto mede o grau em que as componentes de um processo ou sistema de gestão de projeto se encontram presentes e devidamente implementados em determinada organização. Diversos estudos demonstram que a maturidade organizacional possibilita a melhoria dos resultados da execução dos projetos, tanto em termos de eficácia como de eficiência, melhorando a satisfação do cliente e contribuindo para a melhoria dos resultados de negócio.

Controlo Estatistico de Processo (CPE)

Imagem
Dependendo do propósito da análise podemos definir qualidade, à luz do conceito proposto por Juran, como “adequação ao uso” ou entender qualidade como “o grau de excelência a um preço aceitável e com um controlo de variabilidade a um custo aceitável”.

Para ambas as definições as caraterísticas importantes do produto e do processo, como sejam o tamanho, o peso, número de defeitos, ou outro índice de desempenho, devem ser concretamente definidas, medidas e analisadas (sobre este assunto ver igualmente o artigo sobre o que é o 6-Sigma).

O que é a Maturidade de Processos?

Imagem
Por maturidade entende-se a percentagem em que um determinado processo se encontra explicitamente definido, gerido e medido. Os níveis de maturidade são definidos como os “degraus da escada” que conduz à obtenção de patamares superiores de eficiência nos processo implementados.

Normas ISO 14598 / 9126 Projetar o Processo de Avaliação

O plano de avaliação descreve os métodos de avaliação e o cronograma das ações do avaliador, o qual deve ser consistente com o plano de medição.

Processos de Planeamento no PMBOK

Imagem
O grupo de processos de planeamento é o maior grupo de processos do PMBOK com praticamente 50% (24 processos num total de 47 processos repartidos por 10 áreas de conhecimento). Como resultado disso, muito do esforço e do tempo do gestor de projeto é despendido a planear o projeto, sendo que em alguns projetos ele ocupa muito mais tempo em atividades de planeamento do que na execução e controlo do mesmo.

Este facto, por si só, não tem nada de mal – a NASA tem projetos que demoraram 10 anos a planear. Em princípio, para determinado tipo de projetos e em certas condições, quanto mais pormenorizado for planeamento maior será a probabilidade de sucesso do projeto.

Análise de Modos de Falha e Efeitos (AMFE / FMEA)

Imagem
A Análise dos Modos de Falha e Efeitos (AMFE) é uma técnica analítica concebida para, através da identificação dos potenciais modos de falha e correspondentes causas associadas existentes no processo de fabrico de determinado produto, atuar preventivamente na melhoria da eficiência dos processos e produtos.


Normas ISO 14598 / 9126 Especificar a Metodologia de Avaliação

No âmbito da especificação da metodologia de avaliação, deverão ser consideradas três tarefas complementares – Selecionar as métricas; Estabelecer a escala de pontuação e Estabelecer os critérios de avaliação.